Centro Integrado de Operações de Brasília unirá atendimento de 22 órgãos públicos

, O Centro Integrado de Operações de Brasília concentra as ações de 22  órgãos de segurança pública, mobilidade, fiscalização, serviço e saúde do DF. Foto: Andre Borges/Agência Brasília

Os esforços de 22 órgãos de segurança pública, mobilidade, fiscalização, serviço e saúde passam a funcionar em conjunto no Centro Integrado de Operações de Brasília (Ciob).

O Centro Integrado de Operações de Brasília concentra as ações de 22 órgãos de segurança pública, mobilidade, fiscalização, serviço e saúde do DF. Foto: Andre Borges/Agência Brasília
O Centro Integrado de Operações de Brasília concentra ações de 22 órgãos de segurança pública, mobilidade, fiscalização, serviço e saúde do DF. Foto: Andre Borges/Agência Brasília

Inaugurada nesta quinta-feira (5), a nova estrutura vai permitir um atendimento mais completo e eficiente. O espaço fica atrás da sede do Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF), na Asa Norte.

Antes, as operações eram integradas apenas em casos de segurança pública, como respostas a urgências dos chamados pelos telefones 190 e 193.

No caso de um acidente automobilístico que envolve colisão com um poste, por exemplo, a região em volta perde o fornecimento de energia elétrica, pode ocorrer um incêndio, e o trânsito precisa ser alterado, e a vítima, socorrida.

Agora, o atendimento otimizado do Ciob definirá qual viatura será deslocada — se a do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ou a do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal ou, ainda, ambas ao mesmo tempo.

Além disso, poderão ser acionados órgãos de trânsito, da Companhia Energética de Brasília (CEB) e de outras autarquias.

O governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, participou da solenidade.

Readequação do prédio do Ciob recebeu R$ 380 mil

Os sistemas de monitoramento por vídeo do governo de Brasília serão compartilhados na base de dados do centro. Eles contam com 280 câmeras ativas no Plano Piloto, no Riacho Fundo e em Águas Claras.

Além desses, há 400 câmeras de órgãos públicos, como o DER-DF, e 50 de parcerias com instituições privadas, como postos de combustíveis.

A readequação do imóvel da Secretaria da Segurança Pública para o Ciob recebeu investimento de R$ 380 mil, da própria pasta. Assim, representantes de unidades que funcionam em prédios alugados poderão ser transferidos para o espaço físico do centro.

Fazem parte do Ciob:

  • Transporte Urbano do DF (DFTrans)
  • Serviço de Limpeza Urbana (SLU)
  • Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social
  • Secretaria de Saúde
  • Secretaria de Mobilidade
  • Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos
  • Secretaria de Gestão do Território e Habitação
  • Secretaria de Fazenda
  • Secretaria de Comunicação
  • Secretaria das Cidades
  • Polícia Militar do DF
  • Polícia Civil do DF
  • Instituto Brasília Ambiental (Ibram)
  • Departamento de Trânsito do DF (Detran-DF)
  • Departamento de Estradas de Rodagem do DF (DER-DF)
  • Corpo de Bombeiros Militar do DF
  • Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap)
  • Companhia do Metropolitano do DF (Metrô-DF)
  • Companhia de Saneamento Ambiental do DF (Caesb)
  • Companhia Energética de Brasília (CEB)
  • Casa Civil
  • Agência de Fiscalização do DF (Agefis)

Polícia Militar recebe 299 novas viaturas

Mais cedo, no estacionamento do Ciob, houve a entrega simbólica de 299 viaturas para a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF).

Novas viaturas serão utilizadas no patrulhamento das 31 regiões administrativas.
Novas viaturas serão utilizadas no patrulhamento das 31 regiões administrativas. Foto: Andre Borges/Agência Brasília

Desse total, apenas 55 estavam na cerimônia, pois os demais veículos ainda precisam passar por procedimentos legais para se tornarem patrimônio da força de segurança.

Para representar a entrega de todos os automóveis, o governador Rollemberg passou as chaves de uma das viaturas para o soldado Alexandre Borges Almeida.

Cada carro, da marca e modelo Mitsubishi ASX, custou R$ 94.331,10. Com as adaptações para o trabalho da PMDF, o valor ficou em R$ 117.441.

Eles serão distribuídos para monitoramento nas 31 regiões administrativas de Brasília.

Edição: Raquel Flores

, O Centro Integrado de Operações de Brasília concentra as ações de 22  órgãos de segurança pública, mobilidade, fiscalização, serviço e saúde do DF. Foto: Andre Borges/Agência BrasíliaAntes, instalações eram usadas apenas para demandas de urgência. Com a readequação do imóvel, governo poderá, ainda, economizar em aluguel,
Fonte: Politicadistrital / blogdopoliglota / agenciabrasilia
Author: Vinícius Brandão, da Agência Brasília

Powered by WPeMatico

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*