Esclerose Múltipla: Agosto Laranja ressalta a importância do diagnóstico precoce para frear progressão da doença

Esclerose Múltipla: Agosto Laranja ressalta a importância do diagnóstico precoce para frear progressão da doença

 

No dia 30 agosto é celebrado o Dia Nacional de Conscientização da Esclerose Múltipla, doença neurológica que afeta geralmente adultos jovens.

O Agosto Laranja reforça a importância da conscientização sobre a esclerose múltipla, doença crônica e autoimune que ataca o sistema nervoso central, deixando danos motores, problemas cognitivos e até alterações na visão. Por isso, o diagnóstico precisa ser precoce para controlar o processo inflamatório, impedindo, assim, a progressão dos sintomas e proporcionando mais qualidade de vida.

Estima-se que 46% dos brasileiros não conhecem a esclerose múltipla, como aponta pesquisa realizada pelo Instituto Datafolha, o que pode gerar demora na procura por ajuda médica. É na fase mais ativa da vida que a doença começa a dar os primeiros sinais, principalmente em adultos jovens entre 20 e 40 anos, com prevalência maior no sexo feminino.

A neurologista Priscilla Proveti, da NeuroAnchieta, destaca que é muito importante fortalecer e disseminar o debate sobre a esclerose múltipla, e que as pessoas precisam ficar sempre atentas a qualquer sintoma neurológico, pois o diagnóstico da doença é complexo e os sintomas apresentam-se em surtos.

“O início do tratamento permite controle do processo infamatório, evitando novos surtos, retardando ou impedindo a progressão da doença e, consequentemente, a incapacidade clínica. Pacientes com o tratamento especializado e precoce apresentam um controle mais efetivo, com expectativa de vida muito semelhante à do indivíduo sem a doença”, ressalta a especialista.

Sintomas

O ataque à bainha de mielina dos neurônios causada pela doença gera um processo inflamatório em diversas partes do corpo. Os sintomas variam muito de pessoa para pessoa, podendo aparecer e desaparecer em intervalos de tempo. Alguns sintomas mais comuns são:

Perda da sensibilidade em alguma região do corpo

Formigamentos

Perda de força muscular

Desequilíbrio

Visão dupla ou embaçada

Incontinência urinária

Perda da memória

 

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*