Escolas que contribuem para educação fiscal têm até quarta (13) para se inscrever em prêmio

,

Para promover a cultura da importância social dos tributos, o Prêmio Nacional de Educação Fiscal 2018 premiará as melhores práticas educativas na área.

São três categorias:

  • Escolas: abrange instituições de educação infantil, ensino fundamental e ensino médio
  • Instituições: para organizações não governamentais, universidades, prefeituras, secretarias e demais instituições da iniciativa privada
  • Imprensa: voltada a profissionais ou empresas de comunicação com atuação em mídia convencional e estudantes universitários de jornalismo que tenham reportagens publicadas nos jornais laboratório

Os interessados em concorrer nas duas primeiras categorias têm até quarta-feira (13) para fazer a inscrição pela internet. Para a última, o prazo é maior: podem participar reportagens publicadas no período de janeiro até o dia 28 de setembro de 2018. Todas as orientações estão no regulamento publicado no site da premiação.

São R$ 43 mil em prêmios distribuídos entre os sete vencedores: três na categoria Escolas, dois na categoria Instituições e dois na categoria Profissionais de Imprensa. A divulgação dos finalistas será em 7 de novembro, e a solenidade de premiação, que ocorrerá em Brasília, está prevista para 28 de novembro.

Prêmio está na sétima edição

Esta é a sétima edição do prêmio criado pela Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais, em parceria com a Escola de Administração Tributária e com o Programa Nacional de Educação Fiscal.

Edição: Paula Oliveira

, Além das instituições de ensino, duas categorias concorrerão ao Prêmio Nacional de Educação Fiscal 2018, que distribuirá R$ 43 mil para as melhores práticas da área,
Fontes: Politicadistrital / Blogdopoliglota
Author: Dávini Ribeiro, da Agência Brasília

Powered by WPeMatico

Comments are closed.