Home / Bilhete Único: saiba onde adquirir e como recarregar o cartão

Bilhete Único: saiba onde adquirir e como recarregar o cartão

Toninho Tavares/Agência Brasília

Bilhete Único, que permite uma economia de até 50% nas despesas com passagens no transporte público, entrou em vigor nesta segunda-feira (25/9). O passageiro poderá pagar R$ 5 para pegar até três trajetos diferentes, no mesmo sentido e no intervalo de duas horas. Mas os usuários estão reclamando de dificuldades para fazer o cadastro ou recarregar os cartões.

Então, fique atento aos pontos de cadastramento e recarga (veja abaixo). Se alguém anda em uma linha circular interna, que custa R$ 2,50, depois opta pelo metrô, a R$ 5, e, por último, embarca em uma linha de curta duração, a R$ 3,50, o valor final de toda a viagem será de R$ 5, desde que pague com o cartão. Se essa mesma pessoa escolhesse usar dinheiro, pagaria, pelos mesmos percursos, R$ 11.

Para recarregar créditos, estão disponíveis 33 postos, além da internet. Para se cadastrar e adquirir um novo cartão, há 20 postos — em oito deles é possível solicitar segunda via (veja os locais nos mapas abaixo).

Quem já tem cartões que dão acesso à integração e a benefícios não precisa trocá-los, pois estarão automaticamente no Bilhete Único. Também não haverá necessidade de atualizar cadastros.

 

Onde adquirir cartões do Bilhete Único:

 

Apenas os usuários dos cartões Flex e Múltiplo da Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF) deverão migrar — gradativamente — para o Bilhete Único. A Secretaria de Mobilidade orienta os passageiros a gastar todo o crédito já carregado no cartão para somente depois solicitar a troca. O modelo unitário do metrô continuará em vigor para os que usam o serviço eventualmente.

Com um grupo de dez cartões — quatro deles novos —, os usuários terão mais facilidades para acessar a integração do transporte público do DF com o Bilhete Único, o que vai resultar em economia para o cidadão.

A integração já era possível para os que tinham cartões Cidadão e Vale-Transporte. Agora, fica acessível para os usuários do metrô. Além disso, com o sistema único, há mais catracas disponíveis, o que facilita o fluxo.

Fonte: Metrópoles
Autor: Nathália Cardim

Powered by WPeMatico

Sobre radarsantamaria