Home / Chefe da Mercedes acredita que Ferrari chegou ao seu limite

Chefe da Mercedes acredita que Ferrari chegou ao seu limite

Toto Wolff acredita que a Ferrarri atingiu o seu limite (Foto: Oli Scarff/ AFP)

A ótima temporada que a Ferrari vinha apresentando sofre um forte baque nas últimas três corridas. Se a escuderia tinha Sebastian Vettel brigando ponto a ponto pelo título contra Lewis Hamilton, agora a equipe vê o piloto alemão dependendo de um milagre para conquistar o campeonato após os problemas sofridos pelo piloto.

Próximo de Hamilton até a 13ª etapa deste ano, Vettel teve algumas dificuldades nas três últimas corridas. Na primeira, em Cingapura, o alemão acabou participando de um acidente logo após a largada e precisou abandonar. Na Malásia, o piloto largou em último lugar após ter um problema no treino qualificatório. Já no Japão no último final de semana, Vettel apresentou um problema na vela e precisou abandonar.

Se a Ferrari lamenta estes últimos resultados, a Mercedes não tem do que reclamar já que a equipe teve Hamilton vencendo duas e um segundo lugar nestas três corridas. E estes resultados ruins da escuderia italiana fazem o chefe da Mercedes, Toto Wolff, acreditar que os rivais chegaram em seu limite para esta temporada.

“Neste esporte, não tem segredo. Trata-se de ter o carro mais rápido, o melhor piloto e o desempenho mais sólido. Já tivemos momentos difíceis para nossos dois pilotos no passado em termos de confiabilidade. Quando você está empurrando os seus próprios limites, uma hora você acaba chegando neles. A melhora da Ferrari de 2016 para 2017 foi excepcional e provavelmente esta é uma fase de desenvolvimento”, declarou ao jornal britânico Telegraph.

Apesar da declaração polêmica, Wolff mostra empatia com a rival italiana e afirma que sua equipe não pode relaxar para conquistar o título.

“Posso entender como é essa sensação de ter tido três corridas onde você perdeu muitos pontos. Não é uma sensação boa. Nós nos beneficiamos dos infortúnios das Ferraris e problemas de confiabilidade nas últimas três corridas. Mas isso não significa que estamos relaxando. Pelo contrário, acho que precisamos continuar dando o máximo”, completou.

A próxima etapa desta temporada será realizada no próximo dia 22 de outubro, em Austin, nos Estados Unidos. Lewis Hamilton soma 306 pontos, 59 a mais em relação ao seu principal concorrente ao título, Sebastian Vettel.

O post Chefe da Mercedes acredita que Ferrari chegou ao seu limite apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Fonte da Notícia
Author: Joao Victor Tavares Varella

Powered by WPeMatico

Sobre radarsantamaria