Falta de fitas para medir glicose na rede pública prejudica diabéticos

,

Os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) não estão encontrando fitas para medir glicose nos postos do Distrito Federal. A Secretaria de Saúde confirmou a falta do material.

A pasta informou, por meio de nota, que está em andamento o processo de compra das fitas, tanto o regular, quanto o emergencial. “Desta forma, espera-se que, em breve, o estoque seja regularizado”, ressaltou.

O policial civil aposentado Ozenaldo Barbosa de Medeiros, 56 anos, diz que tenta, desde o dia 2 de abril, as fitas para medir a glicose da filha de 11, que tem diabetes tipo 1. Ele foi ao Centro de Saúde número 2, de Sobradinho II, três vezes no começo deste mês. E não conseguiu.

Como a diabetes da menina está descontrolada, ele precisa de quatro caixas com 50 fitas, que custa entre R$ 106 e R$ 150 cada, para fazer a medição. No centro de saúde, o policial ouviu o desabafo de um servidor. “Ele me disse: ‘Faça alguma coisa, denuncia, pois não há previsão para que o estoque seja reposto’”.

Como pai, ele diz que se sente desolado diante do “descaso com a saúde pública do Distrito Federal”.

, A Secretaria de Saúde confirmou o problema e disse que processo de compra do material está em andamento,
Fonte: Metropoles
Author: Márcia Delgado

Powered by WPeMatico

Comments are closed.