Veja como será reestreia de Ibaneis e Rollemberg no horário eleitoral

Cinco dias depois de o brasileiro ir às urnas e decidir pelo segundo turno nas eleições gerais de 2018, começa nesta sexta-feira (12/10) o horário eleitoral gratuito. Diferentemente do que ocorreu na primeira fase, os concorrentes desta etapa terão tempo igual para se apresentarem à população.

Na disputa para o governo, como é o caso do Distrito Federal, os postulantes Rodrigo Rollemberg (PSB) e Ibaneis Rocha (MDB) terão cinco minutos, cada, de segunda-feira a sábado, até 26 de outubro, além das inserções, ao longo do dia, estipuladas em lei.

Pela distribuição prevista na norma eleitoral, inicia o horário gratuito o candidato mais votado em primeiro turno, com a alternância da ordem a cada programa ou veiculação de inserção.

Nas rádios, os programas dos candidatos ao GDF podem ser acompanhados das 7h10 às 7h20 e das 12h10 às 12h20. Na televisão, das 13h10 às 13h20 e das 20h40 às 20h50.

Inserções
No decorrer do período estabelecido na Resolução nº 23.551, de 18 de dezembro de 2017, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), as emissoras de rádio e de televisão, bem como os canais de TV por assinatura, reservarão 25 minutos, por cada posto concorrido, de segunda-feira a domingo, para serem usados em inserções.

A duração será de 30 ou 60 segundos. Devem ser levados em conta blocos de audiência, que variam entre as 5h e a meia-noite.

 

O que esperar da estreia?
No Distrito Federal, Ibaneis recebeu 41,97% dos votos e Rollemberg, 13,94%. Por isso, o emedebista será o primeiro a usar o tempo. Nesta etapa, o emedebista pretende abrir vídeos e gravações com propostas para geração de emprego e renda, além de mobilidade e segurança.

“Vamos fazer um programa propositivo. Já apresentamos o candidato, agora vamos mostrar o que ele vai fazer para tirar Brasília do abandono”, adiantou Paulo Pestana, coordenador de comunicação da campanha do advogado.

O atual chefe do Palácio do Buriti vai apostar na estratégia usada anteriormente: elencar as obras e realizações que conseguiu concluir durante sua gestão.

“O governador manterá a mesma linha que vem abordando nos programas eleitorais, de falar a verdade sempre, além de destacar as ações da gestão dele. Também vai continuar mostrando que ele provou ser possível governar sem corrupção e apresentar as propostas para o segundo mandato”, disse Gabriel Garcia, um dos responsáveis pela campanha de Rollemberg.

Fonte: Metropoles
Author: Manoela Alcântara

Comentários estão bloqueados.